A arquitetura estimula o aprendizado

 

VITTRA

Neste mês de Outubro comemoramos duas datas importantes. Dia 12 dia da criança, e dia 15 dia do professor. A criança que representa o futuro, e o professor que é responsável em prepara-la. Duas datas incríveis que merecem uma pausa para reflexão. É preciso um novo olhar sobre o aprendizado e o ensino. Que tal começar pela estrutura do local?

A arquitetura é um ponto importantíssimo para estimular a vontade de ensinar e aprender. Novos conceitos de interpretação de projeto já são realidade.

Seguem alguns exemplos.

Na Austrália a “Australian Technical College”, projetada pelo escritório Spowers (http://www.spowers.com.au), está localizada em um local de extremo calor, mas os arquitetos deram uma solução para o projeto criando um canal subterrâneo que traz ar fresco para dentro do edifício criando uma ventilação natural.

6a00d83451bad569e20115706fc84a970b

6a00d83451bad569e20115706fc878970b

6a00d83451bad569e20115706fc8b4970b

Outro projeto incrível, encomendado pelo Dalai Lama, é a The Druk White Lotus School que fica no alto do Himalaia, no noroeste da Índia. Seu diferencial é que o escritório de arquitetura Arup (http://www.arup.com) trabalhou com uma combinação de materiais high tech com os materiais tradicionais. 

6a00d83451bad569e201156f799dae970c-800wi

6a00d83451bad569e201156f799dd4970c-800wi

A Britain’s Hazelwood School, desenhada pelo escritório Gordon Murray + Alan Dunlop Architects (http://www.e-architect.co.uk), foi feita para inspirar as crianças através de estímulos visuais e sensoriais. A artéria central da escola foi feita para ajudar os estudantes a se orientar sobre onde estão.

b

c

Este projeto tem uma história bem interessante. A Universidade Técnica de Berlim criou um grupo dos estudantes de arquitetura, chamado de Baupiloten que realizam projetos sob a orientação e supervisão de Susanne Hofmann.( http://www.baupiloten.com) .

O grupo Baupiloten criou um mundo completamente novo com a participação das crianças do jardim de infância. A inspiração veio através da indicação da história de Astrid Lindgren.  O personagem que deu origem ao projeto foi Pippi Longstockings “Taka-Tuka-Land”. O conceito de aventura foi materializado em cada detalhe do projeto.

1999-Pipi-in-Taka-Tuka-Land-Das-Musical179

Os custos de construção foram extremamente baixos devido à reciclagem de materiais e a renovação econômica da substância edifício danificado. Conceito de design começou em 2005 e a conclusão foi em março de 2007.

escola Taka-Tuka-Land

taka_ausbruch

escola

dbwt___baupiloten2

Outro exemplo é este jardim localizado na Noruega, que teve como característica do projeto a interação do exterior com o interior através de suas aberturas lúdicas. A iluminação natural foi um dos pontos mais importantes.

12 002

3 001

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s